Lâminas Norma – Por que as lâminas Norma são tão resistentes?

Esta é uma das dúvidas mais frequentes entre os nossos clientes: como as lâminas Norma são tão resistentes e duráveis para cortes precisos? Além de criar lâminas com design e funcionalidades que as tornam mais adequadas para cada tipo de trabalho, as lâminas Norma contam também com os metais mais resistentes e capazes existentes, selecionados por sua alta qualidade.

Então, veja a seguir quais são os principais tipos de lâminas e seus diferenciais!

Tipos de lâminas Norma

Assim como cada estilete tem as suas funções e é indicado para determinado tipo de corte e materiais específicos, otimizando a rotina de trabalho, cada lâmina segue também uma indicação de uso. Isso é, são criadas para determinadas funções.

Formatos e funcionalidades

Em suma, quanto ao formato e funcionalidade, há lâminas para rebarbar, lâminas trapezoidais, estreitas, largas e extra largas, lâminas gancho e circulares, segmentadas e sem segmentos, lâminas serrote, lâminas de 30 graus, entre outros tipos, que atendem aos mais diversos segmentos produtivos.

Inclusive, veja nesta matéria alguns cuidados gerais que você deve ter com a sua lâmina Norma.

Aplicação

Quanto à sua aplicação, a Norma desenvolveu diferentes tipos de lâminas para todas as suas linhas. Ou seja, lâminas profissionais, refile, essenciais, de rebarba, de segurança, alimentícia e profissional.

Muitas vezes as lâminas Norma são compartilháveis com diferentes tipos de estiletes. Isso é, aumenta o seu custo-benefício e as possibilidades de performance em seu trabalho. Além disso, as lâminas podem ter afiação dupla.

Tamanhos

O tamanho da lâmina correto para a sua atividade e estilete também é um fator que contribui para a sua resistência e desempenho. Logo, opções não faltam para as diferentes necessidades que o usuário pode ter. Assim, entre as lâminas segmentadas, para se ter uma ideia, há opções de 9mm a 25mm.

Destaque: Lâminas One Way Norma – Essencial em trabalhos precisos

Composição das lâminas Norma

Já quanto à composição das lâminas Norma, é algo que merece destaque. Os elementos utilizados na criação da lâmina determina a sua resistência e performance.

Logo, os materiais mais resistentes e dinâmicos em corte de precisão existentes são usados na composição nas lâminas Norma. Ou seja, para cada aplicação e atividade, há uma lâmina desenvolvida com o material mais adequado para este uso.

Aço carbono

As lâminas em aço carbono – como é o caso nas lâminas White, por exemplo – são resistentes, e por isso mesmo são ideais para trabalhos pesados em materiais como borracha, carpete, couro, filme laminado e piso vinílico. Isto é, são lâminas muito comuns em estiletes Norma. Além disso, estão presentes também em estiletes circulares.

Aço inox

As lâminas em aço inox são aquelas que oferecem mais durabilidade em relação à oxidação, comum em ambientes úmidos ou cortes de precisão em materiais que possuem umidade. Além disso, são comuns em muitos tipos de estiletes, assim como também em refile de rebobinadeiras, extrusoras e outras máquinas.

Aço extra temperado

Já as lâminas black são feitas em aço extra temperado, muito resistente e durável, de alta qualidade, ideal para a rotina de trabalhos profissionais pesados em diferentes segmentos. Isto é, são indicadas para materiais espessos, como borracha, carpete, couro, filme laminado e piso vinílico.

Titânio

Além disso, também há modelos de lâminas Norma com revestimento em titânio, muito utilizadas em estiletes de rebarba em metais e plástico. Por exemplo, como é o caso dos rebarbadores giratórios de segurança Basic E e Set E, por exemplo.

Descarte correto de lâminas Norma

Em suma, sustentabilidade é uma das bandeiras levantadas pela Norma. Das embalagens biodegradáveis aos componentes de lâminas e estiletes, todos os produtos são pensados para causar o menor impacto possível ao meio ambiente.

Logo, realizar o descarte adequado das lâminas Norma, além de ser uma necessidade para a sua segurança e das demais pessoas no ambiente de trabalho, é um compromisso com o meio ambiente e qualidade de vida.

Tubo de descarte

Para isso, a Norma criou o tubo de descarte, um recipiente vedado de 12 cm, ideal para o armazenamento de lâminas substituídas dos seus estiletes. Após o descarte adequado no tubo de descarte, é possível desfazer-se das lâminas através da reciclagem. Veja mais nesta matéria!

Veja também: Vulcanização – Lâminas Norma Plus e Estiletes L19, L23 e L25

Então, o que achou das dicas sobre as lâminas Norma serem tão resistentes? Aliás, deixe-nos um comentário a seguir e compartilhe estas dicas es suas redes sociais! Siga-nos no Instagram!

Deixe uma resposta

Fechar Menu